Saturday, April 30, 2011

Friday, April 29, 2011

.

.

Se eu gosto de poesia? – Gosto de gente, bichos, plantas, lugares, chocolate, vinho, papos amenos, amizade, amor. Acho que a poesia está contida nisso tudo.
Carlos Drummond de Andrade

Thursday, April 28, 2011

If being crazy means living life as if it matters, then I don't care if we are completely insane.


- So, what do a couple like you have to run away from?
- We're not running.
- So what's in Paris?
- A different life. Maybe we are running. We're running from the hopeless emptiness of the whole life here, right?
- The hopeless emptiness? Now you've said it. Plenty of people are on to the emptiness, but it takes real guts to see the hopelessness.

Wednesday, April 27, 2011

- Mas o que quer dizer este poema? - perguntou-me alarmada a boa senhora.
- E o que quer dizer uma nuvem? - respondi triunfante.
- Uma nuvem - disse ela - umas vezes quer dizer chuva, outras vezes bom tempo…
 

Mário Quintana

Hey you

Tuesday, April 26, 2011

Loucura, eu penso, é sempre um extremo de lucidez. Um limite insuportável.

Caio Fernando Abreu

Monday, April 25, 2011

Quero tanto

ver este filme!

"The Tree of Life" de Terrence Malick

Saturday, April 23, 2011

The night was young and so were we...

Wednesday, April 20, 2011

Apego a fantasmas

Há nestas quatro histórias duas que estão «mal resolvidas»: mal esclarecidas e mal desfeitas. As outras duas terminaram de vez, em natural e saudável apagamento; mas nestas existe ainda alguma coisa viva e doentia. Racionalmente, ninguém duvida de que tudo ficou esclarecido e desfeito, mas parece que a doença sobreviveu ao óbito, como um apego a fantasmas.

Pedro Mexia

Tuesday, April 19, 2011

Have we not stood here like trees in the ground long enough?

Walt Whitman

Fons vitae

Confidences linger on the palate
like slow clouds in an autumn sky. I blow them
away, and allow only a vague mist
to cling to what you want to tell me; but
your lips whisper in my ear and it is you who
tells me which sky this is, and from where
the clouds covering it have travelled. Feelings,
emotions, passions stand between
each sentence. There are no other subjects
when we meet and you start talking to me,
as if the heart were the only
source of what we say.

Nuno Júdice

Monday, April 18, 2011


Crystal Castles - Not in love (ft. Robert Smith (The Cure))

Saturday, April 16, 2011

That awkward moment

O ponto em que deixamos de achar que sabemos tudo e começamos a perceber que não sabemos nada e que nunca vamos conhecer as pessoas o suficiente .

Tuesday, April 12, 2011

Gooooood morning

Só para lembrar que é Primavera e o mundo é um lugar fantástico com tulipas and stuff.
Está um óptimo dia para sorrir a estranhos na rua, cantar no carro e no chuveiro, rir muito alto e dançar.

Spread some magic, people. Stardust and other strawberry flavoured ingredients.


I finally let go. And guess what? The world didn't fall apart.

Pózinhos de perlim-pim-pim

O que gosto na Sofia Coppola é a magia que consegue dar aos seus filmes. Hoje durmo em Versailles. À bientôt.

.

"Pois que dedico esta coisa aí ao antigo Schumann e sua doce Clara que são hoje ossos, ai de nós. Dedico-me à cor rubra muito escarlate como o meu sangue de homem em plena idade e portanto dedico-me a meu sangue. Dedico-me sobretudo aos gnomos, anões, sílfides e ninfas que me habitam a vida. Dedico-me à saudade de minha antiga pobreza, quando tudo era mais sóbrio e digno e eu nunca havia comido lagosta. Dedico-me à tempestade de Beethoven. À vibração das cores neutras de Bach. A Chopin que me amolece os ossos. A Stravinksy que me espantou e com quem voei em fogo. A "Morte e Transfiguração", em que Richard Strauss me revela um destino? Sobretudo dedico-me às vésperas de hoje e a hoje, ao transparente véu de Debussy, a Marlos Nobre, a Prokofiev, a Carl Orff, a Schönberg, aos dodecafónicos, aos gritos rascantes dos electrónicos a todos esses que em mim atingiram zonas assustadoramente inesperadas, todos esses profetas do presente e que a mim me vaticinaram a mim mesmo a ponto de eu neste instante explodir em: eu. Esse eu que é vós pois não aguento ser apenas mim, preciso dos outros para me manter de pé, tão tonto que sou, eu enviesado, enfim que é que se há-de fazer senão meditar para cair naquele vazio pleno que só se atinge com a meditação. Meditar não precisa de ter resultados: a meditação pode ter como fim apenas ela mesma. Eu medito sem palavras e sobre o nada. O que me atrapalha a vida é escrever.
E - e não esquecer que a estrutura do átomo não é vista mas sabe-se dela. Sei de muita coisa que não vi. E vós também. Não se pode dar uma prova da existência do que é mais verdadeiro, o jeito é acreditar. Acreditar chorando.
(...)"
Clarice Lispector in "A Hora da Estrela"

Monday, April 11, 2011

Sunday, April 10, 2011

Hoje acordei assim


The Strokes - Machu Picchu

645

"Want to tell you that I love you because I really do.
Want to give you the answers if you ask me to.
Want to leave your door for the last time
Want to leave the floor for the first time.

Leave the boys, leave the girls, leave it all behind...
Trust your dreams, your thoughts it's a matter of time.
Run right, run left just don't look back...
Take this trip as your first step.
"



The Gift

Saturday, April 09, 2011

Magic

Be patient toward all that is unsolved in your heart and try to love the questions themselves, like locked rooms and like books that are now written in a very foreign tongue. Do not now seek the answers, which cannot be given you because you would not be able to live them. And the point is, to live everything. Live the questions now. Perhaps you will then gradually, without noticing it, live along some distant day into the answer.

rainier maria rilke

Tuesday, April 05, 2011

So sweet


Vamos andar de mãos dadas,
Por aí, pelo mar alto,
Pelas praias do sul de França,
Pelas dunas do Bairro Alto.
Neste desastre feliz
De tão perfeitos instantes
dos teus sonhos de papel.
De um tempo sem diamantes
Quero pintar as paredes
Com a cor da tua voz
Vamos andar de mãos dadas
O impossivel somos nós.
Dá-me a mão

Vamos andar de mãos dadas
P'ra sempre, lado a lado
Pelas ruas de Manhattan
Pelos rios do Chiado.
Nesta loucura improvável
de encontrar a alma certa
Do lado esquerdo da cama
de uma casa deserta.
Quero pintar as paredes
Com a cor da tua voz
Vamos andar de mãos dadas
O impossivel somos nós.
Dá-me a mão

Monday, April 04, 2011

Friday, April 01, 2011

Everlasting

Um, dois, três

Hei-de te amar, ou então hei-de chorar por ti
Mesmo assim, quero ver-te sorrir
E se perder vou tentar esquecer-me de vez, conto até três
Se quiser ser feliz

The Gift ("Primavera")
ten decisions shape your life,
you'll be aware of 5 about,
7 ways to go through school,
either you're noticed or left out,
7 ways to get ahead,
7 reasons to drop out,
when i said ' I can see me in your eyes',
you said 'I can see you in my bed',
that's not just friendship that's romance too,
you like music we can dance to

The Strokes ("I'll try anything once")